fbpx

partilha a tua história: banksy – arte ou vandalismo?

Arte ou Vandalismo? Nome quase tão contraditório como o próprio artista Banksy. “Génio ou vândalo?”. Mas porque não fazer uso do vandalismo para mostrar arte… Afinal o que podemos considerar como arte?

Exposição esta que causou bastante polémica por não ir de encontro aos ideias do artista: uma arte livre, com o propósito de chamar a atenção, de incomodar, de surpreender e de integrar: “A arte deve confortar o perturbado e perturbar o confortável”.

 

 

Quase todas as obras de Banksy são uma forma de protesto contra os modos de vida na sociedade, intervindo de forma artística através do graffiti (surgiu como forma de protesto) pretende transmitir a mensagem de forma irónica, pegando em temas de política, cultura, ética e guerra, arte que pela primeira vez não pertence à burguesia mas ao povo.

Exposição que Banksy não autorizou, pois este afirma que as pessoas nunca terão de pagar para ver a sua arte, sendo contra a comercialização da sua obra, e quem vai à mesma de certa forma não respeita o artista, mas… A exposição é muito mais do que “cópias” da sua obra expostas em paredes pretas, exposição esta que leva o público a viajar até sítios longínquos (como Los Angeles, Londres) e onde as pessoas se envolvem com o mistério da sua arte e aprendem sobre este novo conceito de grafitti e arte de rua, produzindo-se assim conhecimento (é essa a função dos museus e das exposições) que é visto com maus olhos por grande parte.

No entanto, seria possível ver as obras de Banksy de outra maneira? Eis a questão: entre não ver ou ver “cópias”. “One of the simplest ways to stay happy is… Letting go of the things that make you sad”.

Apesar de todas as controvérsias vale apena visitar a exposição “Arte ou Vandalismo”.

 

Opinião e fotografias de Ana Caetano.

Artigos criados 44

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos relacionados

Digite acima o seu termo de pesquisa e prima Enter para pesquisar. Prima ESC para cancelar.

Voltar ao topo